domingo, 23 de dezembro de 2012

Património




Não viva para que a sua presença seja notada,
mas para que a sua falta seja sentida...

5 comentários:

Marina Linhares disse...

Concordo plenamente com o Bob.
Beleza de imagem e texto!

Canto da Boca disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Canto da Boca disse...

Apesar de eu achar a frase do Bob Marley relativa, não posso deixar de admirar a fotografia, um olhar seu que registra uma certa decadência daquilo que já teve seu tempo de fulgor, e lamento que seja assim...

luna luna disse...

Se dentro dessa casa existir o calor humano o brilho da vida, ainda que o tempo passe ela continua a ter a mesma função que lhe foi dada inicialmente, gosto muito dessa frase do Bob Marley vista em profundidade pode dizer muito de tanta coisa, que se tem vindo a perder com a inversão de valores

beijinhos

Juan Víctor Blanco Viera disse...

Cuántas cosas guardadas, cuántos recuerdos...en esas habitaciones...
Bella toma.
Un saludo, y felices fiestas.