sábado, 29 de junho de 2013

Património Português

Lisboa cheira aos cafés do Rossio
E o fado cheira sempre a solidão
Cheira a castanha assada se está frio 
Cheira a fruta madura quando é Verão. 

Cantado por Amália Rodrigues

1 comentário:

luna luna disse...

estilos arquitetónicos lindos que embelezam a nossa cidade
beijinhos