segunda-feira, 2 de dezembro de 2013

Encontro


Disse um poeta um dia que a vida é a arte dos encontros, embora haja tantos desencontros pela vida.

Eu me encontrei em teus desencontros e
te encontrei em meus desencontros.
Mas nada é por acaso nada é sem razão e no tempo certo, na hora certa fomos libertados das cadeias da solidão.
Hoje somos livres, libertos pelo amor que nos  une desde o sempre até o FIM.

2 comentários:

Joaninha Musical disse...

Lindíssimo que está o teu texto!! Gostei bastante!! Até breve amigo,fica com deus!!

luna luna disse...

sempre fizeste o gostinho
beijinhos